domingo, 20 de novembro de 2016

FRASES LATINAS


1.   Abusus non tollit usum. O abuso não tolhe o uso.
2.   Aequalis aequalem delectat. Os iguais alegram-se juntos.
3.   Aliquando bonus dormitat Homerus. De vez em quando o próprio Homero cochila.
4.   Anulus aureus in nare suilla. Anel de ouro não é para focinho de porco.
5.   Asinus asinum fricat. Um asno coça o outro.
6.   Aspiciunt oculi duo lumina clarius uno. Dois olhos veem melhor do que um.
7.   Caesaris mulier non solo debet esse honesta, sed etiam debet videri. A mulher de César não somente deve ser honesta, mas também deve parecer honesta.
8.   De gustibus et coloribus non est disputandum. Gostos e cores não se discutem.
9.   De nihilo nihil. Do nada, nada sai.
10.       Edendum tibi est ut vivas, et non vivendum ut edas. Comer para viver e não viver para comer.
11.       Equi donati dentes non inspiciuntur. A cavalo dado não se examinam os dentes.
12.       Festina, lente. (Apressa-te lentamente). Faz teu trabalho o mais rápido possível, mas não o faças tão rápido que o faças mal.
13.       Grandaevi nati, labores duplicati. Filhos criados, trabalhos dobrados.
14.       Guta cadente lapidem truat. A gota caindo repetidamente perfura a pedra.
15.       Hodie mihi, cras tibi. Hoje para mim, amanhã para ti.
16.       Homo sum, humani nihil a me alienum puto. Sou homem, e nada de humano me é estranho. (Públio Terêncio)
17.       Labor improbus omnia vincit. O trabalho constante tudo vence.
18.       Lignum tortum haud unquam rectum. Pau torto nunca se endireita.
19.       Mater tua mala burra est. Tua mãe come maçãs vermelhas.
20.       Non omnis moriar. Nem tudo morre.
21.       Pares cum paribus facillime congregantur. Cada um junta-se aos seus pares.
22.       Primum non nocere. Primeiramente não prejudicar.
23.       Senectus non sola venit. A velhice nunca vem sozinha.
24.       Simila similibus curantur. O igual cura o igual (princípio da homeopatia).
25.       Suum cuique tribuere. A cada um o que é seu.
26.       Tempus fugit. O tempo foge.
27.       Una hirundo non facit ver. Uma andorinha não faz a primavera.
28.       Utile dulci. O útil ao agradável.
29.       Utilius tarde quam nunquam. Antes tarde do que nunca.
30.       Vae victis. Ai dos vencidos.
31.       Vanitas vanitatum, et omnia vanitas. Vaidade das vaidades e tudo é vaidade.
32.       Vas malum non frangitur. Vaso ruim não quebra.
33.       Verba movent, sed exempla trahunt. As palavras comovem, mas os exemplos arrastam.
34.       Volenti nihil difficile. Nada é difícil a quem tem boa vontade.

35.       Vox populi, vox Dei est. A voz do povo e a voz de Deus.